sábado, 5 de maio de 2007

A Maçã de Eva


adaoeeva
Se há por aí história mal contada é aquela de Adão e Eva no paraíso. Senão vejamos: Deus cria o Homem (entre outras coisas) e manda-o para o paraíso. Isto já de si é suspeito. Porque não o mandou para outro sítio qualquer? Porque não o mandou à merda? Nunca saberemos, mas o que é certo é que o Homem lá foi diligentemente para aquilo que Deus convencionou por paraíso. Na realidade era um pardieiro vazio, sem interesse nenhum e completamente despovoado. Não fossem umas arvorezinhas aqui e ali e assemelhar-se-ia ao Alentejo profundo. Diz a história que Adão, farto de contar as árvores, que nem eram tantas como isso, meteu um requerimento a Deus para lhe arranjar companhia. Distraidamente Deus mandou-lhe uma ovelha e rapidamente descobriu o significado da contranatura. Decidiu então fazer um truque com uma costela de Adão, criando dali uma companheira para o entediado mamífero. Chamou-lhe de Eva.
Ainda hoje a ciência tenta perceber que conhecimentos de genética o gajo tinha para fazer um truque daqueles.
A questão das roupas é insidiosa… se os gajos estão no paraíso porque diabo têm que usar parras a tapar-lhes a genitália? Armani e Prada seriam mais plausíveis, bolas! Afinal de contas que paraíso era aquele??
Depois vem outra parte incongruente: aquela em que Deus, num lampejo de autoridade tipo «quem manda aqui sou eu e vou inventar uma merda para vos deixar a matutar» decide embirrar com as maçãs e proibir Adão e Eva de as comer. Qual é o problema das laranjas? E das papaias? Porque não proibir as bananas? Ou toda a gama de frutos secos? É só incongruências…
Chegamos então à parte da cobra que falava. Tudo bem. Eu até ter ouvido as declarações de Fátima Felgueiras, achava que as cobras não falavam, portanto isto até faz algum sentido no meio desta trapalhada toda. Mas a questão é que a cobra de Adão e Eva demonstra uma obsessão voyeurística qualquer por maçãs. Gosta de as ver serem comidas. Há gostos para tudo…
Finalmente os gajos comem a maçã e Deus aparece para os expulsar do paraíso e não se fala mais nisso. Porquê? A história acaba aqui porquê? E a vida porca que eles levaram depois, com a obsessão insidiosa que Adão desenvolveu por ovelhas? Nem Sócrates contava tão mal uma história destas…


2 comentários:

Erick Victor disse...

você deve prestar mais atenção no que você fala de Deus.....
Ele é o criador de céu, da terra e tudo que neles há...duvida?! então leia a Bíblia.....
Quem disse que a fruta proibida era uma maçã?!...na Bíblia não fala nada disso, apenas fala da árvore do conhecimento do bem e do mal...mas não fala que é uma maçã....não sabemos que inventou essa história de que seria uma maçã, provavelmente a igreja católica, pois o único lugar que ouvi falar que o fruto proibido era uma mação foi na igreja católica.....
Deus é tão perfeito e tão maravilhoso que criou uma esposa para Adão através da costela dele...mágica?!..não...é o poder de Deus....porque que foi da custela de Adão?...para mostrar que ela deveria ser submissa a Adão...assim como este era a Deus....

nunca te ensiaram a saber mais sobre um assunto antes de falar mal do mesmo???...pois você deveria fazer isso antes de sair falando coisas errôneas sobre a Biblia e sobre Deus...

Anónimo disse...

agora a biblia prova que deus existe?
He eheh
pá, estamos no seculo 21, acordem para a vida e deixem-se de historias da carochinha